Sailor Moon – 20 anos no Brasil

Vinte anos de Sailor Moon no Brasil – por Serenity Eternal

E hoje é motivo para celebrar no universo moonie. Há 20 anos, na TV aberta, estreava uma animação muito especial, onde  garotas eram protagonistas com suas roupas de marinheiro, destemidas e unidas, ás vezes um pouco atrapalhadas, mas com um único objetivo: proteger a princesa da Lua e o planeta Terra. Estamos falando de Sailor Moon, este anime tão querido por todos e que continua fazendo grande sucesso entre os fãs.

E nesse dia especial quero hoje compartilhar com vocês como Sailor Moon entrou na minha vida e porque dele ser tão apaixonante e nesses 20 anos nos fascinar sempre mais e mais. E claro que contamos com a participação de vocês dando depoimentos aqui em nosso site e também em nosso fórum, onde preparamos um espaço todo especial para essa comemoração.  Contar como conheceram o anime e o que ele significa na vida de vocês.

Ano: 1996.
Em uma tarde qualquer, na semana, estou a ver TV quando me deparo com uma chamada um tanto diferente sobre uma nova animação. Na hora confesso, não dei muita importância, pois pensei ser alguma propaganda de produto, ou até mesmo algum trailer, mas não imaginaria que aquele comercial me chamaria tanto a atenção a ponto de todas as tardes, praticamente ter um compromisso com algo tão especial.

Quando vi o anime pela primeira vez foi uma surpresa ao ver meninas vestidas de marinheiro lutando, e defendendo o planeta, já sempre fomos acostumados a ver meninas sempre sendo salvas por mocinhos, ao invés de estarem em campo de batalha e isso muito me interessou para saber mais da série.
Lembro-me que nessa época, tanto na escola e até nas bancas de jornais que costumávamos comprar álbuns de figurinhas, que o BOOM era Cavaleiros do Zodíaco, com lutas mais intensas e outras animações que em sua maioria e ainda hoje vemos isso, traz os homens como os protetores de tudo, sobretudo de garotas indefesas, fragilizavam de alguma forma as mulheres, as deixando sempre carentes de um super-herói para salvá-las.

Foi aí que fiquei ainda mais intrigada e curiosa em ver uma animação onde garotas não eram colocadas como frágeis e indefesas, que tivessem que ser salvas, mas que eram elas a lutar, a defender as pessoas e o planeta. Sailor Moon foi me encantando pouco a pouco até me conquistar de vez a ponto de hoje, nesses 20 anos, meu amor ser o mesmo ou até mais de quando surgiu na telinha pela primeira vez em 1996.

Todo o enredo por trás da série tem valores que muitas vezes deixamos de lado devido ao cotidiano tão corrido que temos; mas na leveza dessa animação, podemos ainda resgatar a amizade, companheirismo, a lealdade, o respeito, entre outros. Por isso e tantos outros motivos que Sailor Moon é apaixonante e nesses 20 anos, pude conhecer vários fãs, embora em sua maior parte muito deles virtualmente, mas também alguns pessoalmente como a equipe aqui do SMDIMENSION entre outros.

Sailor Moon tem episódios épicos que jamais sairão de nossa mente.
Como não lembrar de alguns como:
“Sereeenaaaaa!!!
Mamãe!!!!
Como pode tirar uma nota tão baixa, ficará aí fora.” e imaginar a cena em nossa mente, as vozes. Ou então ao som da melodia suave e calma da caixinha de música quando, no último episódio, Serena faz um pedido, o seu sonho de ter uma vida normal:
“Quando eu acordo de manhã, vejo o vento mexendo as cortinas branca como a neve, o relógio cuco toca pra me dizer que já são sete hora. Então a mamãe grita: levante já da cama senão chegará atrasada na escola.” – sempre, toda vez, me emociono ao ver este episódio.
Como não se envolver com essa cena ou ainda, Serena ao relembrar de seu passado, ver o Reino do Milênio de Prata ser invadido pela Rainha Beryl e seu amado sendo atacado pelo mal.

Destaquei esses  momentos da fase clássica que me são os mais marcantes, mas claro que se fosse enumerar todos o momentos que considero especiais, seria uma lista infinita para demonstrar todo meu carinho por essa série e que vários acontecimentos em minha vida, muito tem em comum ao anime.

Ver que uma animação é capaz não só de ser um entretenimento, mas reunir pessoas que mantém amizades por anos é algo raro e não é para qualquer animação ou filme não. E estou muito feliz por estar aqui dando este meu depoimento, não só falando um pouquinho sobre mim, mas principalmente de como Sailor Moon se faz tão presente em meus dias. E hoje, 20 anos depois de ver o primeiro episódio na tv aberta e compartilhar com todos é gratificante. Sailor Moon hoje não é apenas uma animação onde garotas é que salvam o mundo e as pessoas, tem uma dimensão muito maior, pois quantos de nós depois de ver a série não mudou em algumas atitudes ou se viu no lugar delas? E quantos amigos esse anime aproximou de nós nesses anos?

E fazendo uma busca pela internet encontrei as aberturas da fase clássica usadas pela Rede Manchete. Caso não saibam, a primeira fase teve duas aberturas, uma ilustrando o início da série, mas não revelando ainda tudo e a segunda veio, creio eu no episódio 34, quando Sailor Moon desperta como Princesa Serena.

As trago aqui para matarmos a saudades

Anúncios
Esse post foi publicado em 20 anos Sailor Moon, Eventos, Fórum SMD, News, Sailor Moon, Sailor Moon Channel, Sailor Moon Crystal, Sailor Moon Dimension e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Sailor Moon – 20 anos no Brasil

  1. Serenity disse:

    Sailor Moon é muito especial, pois veio em uma época muito marcante de minha vida, meus 16 anos. Ter uma personagem que em sua trajetória partilhava das mesmas emoções, confissões de amores, e conflitos tão típicos na adolescência me fez ver o quanto eu era (e de certa forma ainda sou) parecida com a personagem. De sempre acreditar que tudo pode ser melhor, de buscar ajudar aqueles a quem se quer bem e não se deixar abater por pior que seja a situação, sempre acreditar na esperança. Saber que nunca estamos sozinhos, por mais solidão que as vezes possa nos preencher, sempre temos aqueles que nos lembram o quanto somos importantes e especiais em suas vidas. E Sailor Moon é isso: Serena modificou a vida de todas as suas amigas quando passou a fazer parte da vida delas e isso também se refletiu em sua própria vida e nos faz refletir o quanto a amizade é valorosa, que os verdadeiros amigos estão alí ao seu lado para o que der e vier sem hesitar. É um amor desinteressado unicamente preocupado em apenas transmitir e fazer o bem. Há claro os momentos de comédias, dramas, mistérios, romance (melhor parte ao meu ver), onde toda forma de amor é o que conta para unir as pessoas e acreditar não só no potencial delas, mas na esperança que cada dia, cada situação pode ser melhor do que realmente se apresenta. O otimismo da Serena é contagiante. Sua luz interior pura e cálida, nos traz calma e leveza para nossos dias. Não há palavras para descrever tão imenso amor por esta obra apaixonante.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s